Área restrita - acompanhe sua obra e sua pontuação:

Coleta de Amostras Indeformadas

Coleta de Amostra Indeformada Coleta de Amostra Indeformada Coleta de Amostra Indeformada

Uma amostra indeformada é o solo que se corta, retira-se e acondiciona-se com as menores alterações possíveis. Essas amostras utilizam-se para, entre outros fins, verificar em laboratório a densidade (peso unitário) e a resistência do solo indeformado, seja pelo ensaio CBR ou pelo ensaio de compressão não-confinada.

O tamanho e forma da amostra a ser coletada dependem, principalmente, do tipo e quantidade de ensaios a serem realizados e das especificações dos equipamentos para a execução dos mesmos. Para ensaios CBR com amostras indeformadas, um pedaço de solo com a dimensão mínima de 18 cm (7 polegadas) é suficiente; para outros ensaios, podem servir amostras ainda menores. Em todos os casos, as faces superior e inferior precisam ser marcadas claramente com as letras “S” e “I”, visto que a posição da amostra no maciço original de solo, dependendo da análise a ser feita, poderá ter grande influência nos resultados obtidos.

O tipo mais simples de amostra indeformada se obtém cortando um pedaço de solo do tamanho desejado e cobrindo-o para evitar perdas de umidade e rupturas. Esse método só pode ser empregado em solos que não se deformem, desagreguem ou quebrem quando são removidos. Para o caso de solos macios de granulometria fina pode-se empregar um extrator de amostras cilíndricas ou, ainda, caixa especial para coleta de amostras. Em todos os casos, devem ser escolhidas as ferramentas cortantes mais adequadas para cada qualidade de solo. As seguintes ferramentas e materiais são úteis na coleta de amostras indeformadas: colher, barbante, trincha, fogareiro, parafina, chave de fenda, colher de pedreiro, faca, molde CBR para compactação, régua, folhas de serra, ferramentas de escavar, canivete, algodão, pá, enxada, fita isolante, papel, recipientes adequados, serra de arame, discos de madeira e barra de carga.

Para se obter um pedaço-amostra de subleito ou de outra superfície plana, como o fundo de uma jazida em exploração, (1) alisa-se a superfície do terreno e marca-se o contorno da amostra a extrair, (2) escava-se uma vala em volta dela, (3) afunda-se a escavação e cortam-se os lados com a faca de açougueiro, (4) separa-se a amostra cortando-a com a faca, com uma pá ou com uma folha de serra e, por fim, (5) retira-se a amostra cuidadosamente.

Já para o caso de um pedaço-amostra da superfície vertical de jazida ou de corte de escavação, (1) alisa-se cuidadosamente a superfície e se marca o contorno da amostra e, em seguida, (2) escava-se ao redor e por trás da amostra dando-lhe forma grosseiramente com a faca de açougueiro. Então, (3) corta-se o pedaço e retira-se do local cuidadosamente.

Retirada a amostra de solo, a mesma deve ser impermeabilizada. Para isso, inicialmente corta-se a amostra com faca de açougueiro formando arestas toscas. Em seguida, aplicam-se três camadas de parafina com uma trincha deixando-se cada camada esfriar e endurecer antes da aplicação da camada seguinte (isso dá uma proteção adequada para amostras com certa resistência e que vão ser utilizadas dentro de poucos dias; as amostras fracas, ou que não vão ser usadas logo, requerem proteção adicional). Então, embrulha-se em algodão ou em outro tecido suave e, por fim, aplicam-se mais três camadas de parafina. Finalmente, coloca-se a amostra em caixa envolta por palha ligeiramente úmida, serragem ou papel de jornal.

A TEC GEO conta com operários com grande experiência em coleta de amostras indeformadas, submetidos a acompanhamento técnico constante durante a realização dos serviços. Entre os serviços realizados nessa modalidade, possuímos em nosso histórico a retirada de amostras de 30 x 30 cm à 3,0 m de profundidade na Estação Ecológica da UFMG e em terreno próximo ao CDTN (Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear) para trabalho de pesquisa científica realizada por professores do Departamento de Transportes e Geotecnia da Universidade Federal de Minas Gerais (DETG / UFMG).

« Voltar
Nossos Serviços
Divisão de Manutenção e Depósito Rua Três, 410
B. Chácara Cotia | Contagem | MG | 32183-085
Almoxarifado Central Rua dos Atleticanos, 1.247
B. Milionários | Belo Horizonte | MG | 30620-060
TÉCNICAS EM GEOTECNIA LTDA(31) 3275-2479
Sede Administrativa Av. Raja Gabáglia, 1.001 | cj. 404
B. Luxemburgo | Belo Horizonte | MG | 30380-403
Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados. Layout por: Lucas Azevedo ViaNet Brasil